x
Este site utiliza cookies. Ao continuar a navegar no nosso website está a consentir a utilização de cookies. Saiba mais
Educar para prevenir

«O transplante renal é dependente da disponibilidade de órgãos, a maior parte de cadáver. Implica uma espera. Em média, a espera é de cinco anos. Uma maneira de contornar esta espera é o doente ter alguém que lhe doe um rim em vida e, assim, pode ser transplantado sem ter de passar pela diálise» 

Notícias do dia
HIPOTERMIA EM DADORES DE ÓRGÃOS PODE MELHORAR TRANSPLANTES DE RIM
2 Dias atrás
HIPOTERMIA EM DADORES DE ÓRGÃOS PODE MELHORAR TRANSPLANTES DE RIM
O transplante renal pode ser mais eficiente se o corpo do doador de órgãos falecido for submetido a condições de hipotermia
2 Dias atrás
DADORES DE ÓRGÃOS EM VIDA PASSAM A TER PROTEÇÃO
4 Dias atrás
DADORES DE ÓRGÃOS EM VIDA PASSAM A TER PROTEÇÃO
Conselho de Ministros aprovou o diploma que permite a criação de uma espécie de seguro
4 Dias atrás
FAZER HEMODIÁLISE E PARTIR DE FÉRIAS
6 Dias atrás
FAZER HEMODIÁLISE E PARTIR DE FÉRIAS
Uma possibilidade ao alcance de todos os doentes renais.
6 Dias atrás
DOENÇA RENAL CRÓNICA EM PORTUGAL: IMPORTÂNCIA DA PREVENÇÃO
6 Dias atrás
DOENÇA RENAL CRÓNICA EM PORTUGAL: IMPORTÂNCIA DA PREVENÇÃO
"A Doença Renal Crónica traduz-se pela perda, irreversível, da função renal, obrigando os doentes à substituição da sua função através hemodiálise, da diálise peritoneal ou do transplante renal."
6 Dias atrás
ATIVIDADE FÍSICA NA REABILITAÇÃO DOS TRANSPLANTADOS RENAIS
Na semana passada
ATIVIDADE FÍSICA NA REABILITAÇÃO DOS TRANSPLANTADOS RENAIS
Reabilitação dos transplantados renais deve passar pela atividade física
Na semana passada
CAMINHADA EM COIMBRA NO 7.º DIA DO TRANSPLANTE
Na semana passada
CAMINHADA EM COIMBRA NO 7.º DIA DO TRANSPLANTE
As comemorações do 7.º Dia do Transplante, que se assinala a 20 de Julho
Na semana passada
Associação dos Doentes Renais do Norte de Portugal e Diaverum celebram protocolo de cooperação
Na semana passada
Associação dos Doentes Renais do Norte de Portugal e Diaverum celebram protocolo de cooperação
A educação como prevenção primária da doença renal
Na semana passada
1º Encontro de Jovens Adultos com Doença Renal
Mês passado
1º Encontro de Jovens Adultos com Doença Renal
A APIR vai realizar nos próximos dias 5 e 6 de Setembro, nas casas do Buçaco, o seu 1º Encontro de Jovens Adultos com Doença Renal.
Mês passado
7º Dia de Transplante
Mês passado
7º Dia de Transplante
Em 2015, a celebração do 7º Dia de Transplante, com o mote “ O doente transplantado e o desporto” terá lugar em Coimbra
Mês passado
Dieta mediterrânea pode ajudar a proteger contra a doença renal crónica
Mês passado
Dieta mediterrânea pode ajudar a proteger contra a doença renal crónica
Estudo publicado no “Clinical Journal of the American Society of Nephrology”
Mês passado
Transplante Renal

É um tratamento para pessoas com insuficiência renal crónica, que consiste na realização de uma cirurgia na qual um rim saudável de um doador é colocado na pessoa (recetor) com insuficiência renal crónica. O transplante é um tratamento, não é uma cura!

A transplantação renal é, na maior parte das vezes, aplicada em doentes que já se encontram em programa de diálise, embora seja possível efetuá-la antes de iniciar tratamento dialítico.

 

Quem pode receber um transplante de rim?

Escolher é excluir

 

 

 

INGREDIENTES

  • 40g Frutos silvestres;

  • 2g Adoçante em pó;

  • 1 Folha de gelatina incolor;

  • 1/4 Iogurte de frutos silvestres magro e sem açúcar;

  • 1 Clara de ovo.

 

 

INFORMAÇÃO NUTRICIONAL (Dose individual)

  • Energia: 29Kcal

  • Proteína: 4g

  • Lípidos: 0g

  • Glúcidos: 3g

  • Fósforo: 25mg

  • Potássio: 106mg

 

 

PREPARAÇÃO

  • Triturar os frutos silvestres juntamente com o iogurte;

  •  Demolhar a folha de gelatina, levá-la ao microondas e posteriormente misturá-la ao preparado de frutos;

  • Bater a clara em castelo juntamente com o adoçante;

  • Colocar o preparado sobre as claras e homogeneizar;

  • Leve ao frigorífico, pelo menos, durante 1 hora.

 

 

NÃO SE ESQUEÇA DE TOMAR A MEDICAÇÃO QUE LHE ESTÁ PRESCRITA PELO SEU MÉDICO, NOMEADAMENTE, OS QUELANTES DE FÓSFORO (RENVELA®, PHOSPHOSORB®, OSVAREN®, CARBONATO CÁLCIO®) E A RESINA PARA O POTÁSSIO, SE ESTIVER PRESCRITA

Departamento de Nutrição e Dietética da Diaverum

Mousse de Frutos Silvestres
Hemodiálise
Nutrição
Nefrologia Pediátrica
Doenças
Novidades no Portal

 TABELA DE ALIMENTOS

 EQUIPA DE NUTRIÇÃO DA DIAVERUM

 CLÍNICAS DE DIÁLISE

 NEWSLETTER

 GLOSSÁRIO

 MAPA CLÍNCAS DE DIÁLISE

 CALCULADORA NUTRIÇÃO


Videos  |  Ver Todos
Agosto, 2015
DomSegTerQuaQuiSexSáb
      1
2345678
9101112131415
16171819202122
23242526272829
3031     
Todo e qualquer conteúdo apresentado nas páginas do website www.portaldadialise.com tem caráter estritamente informativo e educacional, e de nenhuma maneira substitui as informações ou apreciações de profissionais de saúde e especialistas das respectivas áreas de interesse aqui apresentadas, incluindo médicos, enfermeiros, psicólogos, educadores e nutricionistas.
ver todos
© 2015 Portal da Diálise - Todos os direitos reservados
Powered by LV Engine - connecting solutions